Greve dos bancários começa nesta terça (6), mas sindicato adianta que não fará protestos



Movimento paredista foi deflagrado na última quinta e faz parte de uma mobilização nacional

Nesta terça-feira, os bancos públicos e privados do país vão parar. A greve decretada pela categoria na última quinta-feira começa a valer no dia 06 de setembro e, na noite desta segunda, o Sindicato dos Bancários de Pernambuco se reúne para deliberar as ações estratégicas para aumentar a adesão do movimento paredista no estado. De antemão, a presidente do sindicato, Suzineide Rodrigues, adiantou que não fará protestos.

"Nosso objetivo é parar o maior número de agências possíveis, principalmente na área central do Recife e na Região Metropolitana. A assembleia será organizativa para incentivar a militância", explicou. O encontro da categoria está marcado para às 19h, na sede da entidade, no bairro da Boa Vista.

Em Pernambuco, existem 620 agências na capital e interior. Se considerarmos os postos de serviço, o número ultrapassa 1,6 mil unidades. São aproximadamente 12 mil bancários em atividade. "Nós queremos nos organizar para fazer da nossa greve um movimento forte. Só vamos poder avaliar a dimensão depois que a greve começar, de fato, mas vamos nos preparar para isso", concluiu Suzaneide Rodrigues.


Grupo Divulga Petrolina

Compartilhe

Posts Relacionados